quinta-feira, 19 de julho de 2007

Isla de Pascua

Estamos prontos e ansiosos para se infiltrar neste mundo de mistérios que é a Ilha de Páscoa. "Moais", "Rapa Nui" são palavras do nosso dicionário que agora vamos desvendar "a fundo", com dizia o prof. Melamed. Vamos descobrir o porquê destas figuras gigantescas, e a razão do quase extermínio deste povo. Aulas de história ao vivo e in loco... e muitas opções e assuntos para fotografar (tenho mais expectativas fotográficas na Ilha de Páscoa do que no próprio Tahiti...); apesar do tempo restrito. Vamos ter que contar com condições meteorológicas boas para tirar boas fotos. Gostei desta foto aí de baixo, que tirei de um site holandês, acho que umas preto e branco podem ficar legais, com este céu bem dramático...


Aí embaixo está um mapa que achei bem interessante, localizando a Ilha de Páscoa no centro e o Tahiti à esquerda do mapa (clicar do mapa para aumentar o tamanho), e sua relação geográfica com a América do Sul e até o Havaí (acima à esquerda).

Mapa detalhado da Ilha. A mesma tem formato triangular e mede aproximadamente 11 x 18 km. Tem 3700 hab. dos quais 3400 moram na cidade Hanga Roa.

Vista aérea por satélite da ilha e com zoom na cidade de Hanga Roa (com o nosso hotel devidamente localizado - Hotel Iorana). Acho que é o mais chique da ilha, que só tem 2 e algumas pousadas...
No detalhe podemos ver o "Fabuloso" Aeroporto de Mataveri, o aeroporto mais isolado do mundo. E já que está na "moda" falar de aeroportos, aí vão alguns dados sobre ele: Pista de aterrissagem única, já que somente a LAN Chile tem vôos regulares para lá. Está a 3700 km da costa do Chile (4 horas de vôo sobre o mar), e o próximo aeroporto fica a 2600 km nas Ilhas Gambier (nem sei onde fica, nem quero saber!!! Deve ser as Ilhas da "Gambiarra" he he he!).
Tem 3.318 metros de pista, bem maior que o Salgado Filho (2.280m) e a pista principal de Congonhas (1.939m). O aeroporto recebeu uma "ajudinha" dos EUA e da NASA para a reforma do aeroporto, onde foram investidos 7 milhões de dólares em 1986, para um possível pouso de emergência de ônibus espaciais... vê se pode!!! Daí em diante o turismo na ilha ganhou impulso...



No mais é torcer por um pôr do sol deste "naipe" no sábado de tarde. Seria um presente inesquecível....


Um comentário:

Nórton disse...

Boa viagem figuras!
Eu e a Maíra vamos ficar aqui, no frio e na chuva do inverno gaudério só curtindo as fotos. Inveja branca...hehehehehe
Abração e curtam o que der, lembrem que pra dormir tem o ano inteiro.